segunda-feira, 16 de junho de 2008

A proposta desta banda e trasmitir a todos o amor vivo de Cristo Jesus atravês das canções, com letras que retratam o cotidiano munido a uma espiritualidade que nasce no coração de Deus. O som e uma fusão de sons modernos como o nu metal com hard rock e grunge além de elementos conteporrâneos é êxoticos unido a sons eletrônicos e progressivos o que dá a SAGRRA... uma particularidade sonora, que vêm atraindo muito a todos que a ouvem atravês da musicalidade e da espiritualidade que vêm do santo espirito de Deus.

4 comentários:

sagrra... disse...

Está e uma realidade de nós que gostamos de escutar um bom rock, usarmos está ferramenta preciosa para levar as palavras do evangelho a toda a criatura estou feliz por fazer parte da FAMÍLIA SAGRRA... na qual me esforço pra honrar os desiginos que Deus me proporciona a cada minuto de minha vida... Glória ao rei Jesus

sagrra... disse...

Corrente de oração em pro Louvai que acontecerá no mês que veêm contamos com a intercessão de todos para este evento ao nde reunirá todo o povo de Deus pra louvar o teu nome oh glória!!!!

Cielzinho disse...

Caríssimos muito boa a música que vocês fazem, e o melhor de tudo com o intuito de evangelizar!! Nosso Deus é mesmo bom!
Era uma banda assim que nós católicos estavamos precisando!!! Nu Metal!! Que Deus Abençoe vocês em toda caminhada!!

Se vocês me permitem, vocês poderiam escutar a Web Rádio Cristoativiade de Itaguai - RJ http://cristoatividade.listen2myradio.com/

Eu sou de Maceió e muita gente do Brasil escuta ela... e o Lenine o locutor vai gostar de tocar as músicas de vocÊs sem sombra de dúvidas, para assim continuar a vossa evangelização!!
Paz e Bem!!
Fiquem com Deus!!
Fui...


As: CieL AlveS

Real e Atual disse...

Sem dúvida Sagrra é uma grande aposta da música católica de nosso tempo, mas isso se a banda tiver nome fora de Minas Gerais, pois o centro do entreternimento todos sabem que é São Paulo. Infelizmente a manca mídia católica não procura boas coisas, mas espera que as boas coisas simplismente venham até eles, exeto a CODIMUC, que ao longo dos anos foi a responsável por entroduzir novos rítmos na igreja e sempre foi defensora de rítmos nada convencionais como o rock e suas vertentes tão atacado no seio da igreja por aqueles mais desavisados que não entendem a missão de cada um. Sagrra com seu som único, isso mesmo, som único, porque para os normais rock é rock e pronto, mas para quem tem um mínimo de e
ntendimento musical pode ver a mesclagem rock and rol que esses garotos fazem, ao fundir snipers a sons metais, Sagrra me despertou adimiração quando ouvi pela primeira vez, e isso é difícil. Não sei bajular ninguém, mas reconheço um trabalho de qualidade quando vejo, ou melhor. ouço.